Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Novamente Geografando

Este blog recolhe e organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

Novamente Geografando

Este blog recolhe e organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

Aogashima, a ilha mais fantástica do Japão

Mäyjo, 31.01.18

Aogashima.jpg

Aogashima (1).jpg

A paradisíaca e surreal Ilha de Aogashima é um imenso vulcão com uma povoação e um outro vulcão menor lá dentro. 

Não se sabe ao certo, como a ilha começou a ser povoada, mas registos históricos indicam que desde o século XVII já havia gente por lá. A ilha tem 8,75 km² de área e uma população local de 200 pessoas.

Não há muito o que se fazer em Aogashima, excepto desfrutar da tranquilidade de um paraíso tropical. No centro da ilha encontra-se uma sauna geotérmica e as pessoas também utilizam o vapor geotérmico para cozinhar. 

Aogashima é a mais pequena vila do Japão. A partir de 2009, a população da ilha era 205 habitantes e tem vindo a diminuir. A ilha tem uma escola primária com cerca de 25 alunos. Quando atingem a idade de quinze anos, as crianças vão para uma escola no continente e a maioria não regressa mais à ilha. 

Fontes: Magnus Mundi, Revista Galileu 
Foto: Matador Network 

ARTESÃO JAPONÊS DÁ SEGUNDA VIDA A LIVROS ANTIGOS

Mäyjo, 23.02.17

foto_1

Os restauros de Nobuo Okano

 

A magia das flores de cerejeira a florir

Mäyjo, 17.02.17

primavera 1_ Kyodo News

JÁ É PRIMAVERA NESTA PEQUENA CIDADE JAPONESA

 

A Primavera chegou antes do tempo a esta pequena cidade de Kawazu, no Japão. Localizada a poucos quilómetros de Tokyo, esta cidade é conhecida pelas suas maravilhosas árvores floridas que, ano após ano, oferecem um maravilhoso espectáculo onde o esplendor das cores da surge como o grande protagonista.

 

Normalmente as árvores começam a florir no final de Março ou início de Abril, enchendo a cidade de um encantador cor de rosa. Este ano, no entanto, a natureza trocou as voltas ao calendário habitual e antecipou-se nesta maravilhosa entrada na Primavera.

Por toda a cidade, o cheiro inebriante a flores preenche as ruas e oferece um espectáculo que desafia os vários sentidos dos visitantes desta localidade. Visão, olfato, tato… todos os sentidos são invadidos pela magia das flores de cerejeira a florir.

O simbolismo à volta das flores de cerejeira é especialmente significativo no Japão. A natureza transitória da sua beleza é muitas vezes associada à brevidade da vida, ao karma e ao destino. Esta ideia de ligar a natureza à vida aparece amiúde representada na arte japonesa, com a flor de cerejeira em lugar de destaque, tornando-se já numa imagem de marca do país.

 

Fotos: via Bored Panda 

 

OS JAPONESES QUE VIVEM EM QUARTOS CLAUSTROFÓBICOS

Mäyjo, 30.01.17

 

quarto_a 

Conseguiria viver neste espaço?